De onde vem o Gengibre?

Saiba tudo sobre esse rizoma tão querido

De onde vem o gengibre?

O Estado do meu falecido pai é o maior produtor de gengibre do Brasil. Os capixabas de Santa Leopoldina, segundo o Incaper – Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural, se orgulham de plantar a variedade mais cobiçada mundialmente desse precioso rizoma. É no Espírito Santo que também é comemorado o dia estadual do gengibre (15/5) e, no mesmo mês em 2023, ocorreu a 2º Ed da Expo Gengibre e Feira da Agricultura familiar, unindo as demais cidades que juntas movimentam a exportação do gengibre atualmente, como: Santa Maria de Jetibá e Domingos Martins.

Oriundo da Ásia Tropical, o gengibre foi trazido por portugueses por volta do século XVI e se deu bem aqui no Brasil. Além do Espírito Santo, Santa Catarina, Paraná e sul de São Paulo também cultivam essa preciosidade.

Sobre os benefícios, o gengibre possui em seus constituintes químicos diversos óleos essenciais, como: gigerona, zingibereno, falandreno, canfeno, cineol, broneol e citral. Usuários de homeopatia devem tomar o chá de gengibre pelo menos 30 min após a ingestão da medicação, pois os óleos interferem na ação do remédio, cortando seu efeito.

Considerado um excelente anti-inflamatório, tem indicações para: dores de garganta, resfriados, cólicas, náusea (comparado na literatura com Dramin) e enjoos em geral. Também atua em gripes, bronquites, rouquidão, asma e reumatismo. É encontrado em diversas formas, como: rizoma, extrato, pó, extrato fluído, xarope, tintura e alcoolato.

Alguns modos de utilização:

Reumatismo – Cataplasma com o gengibre ralado em uma gaze ou pano de algodão limpo sobre a região afetada. Não usar em áreas lesionadas. Recomendo nesse caso plantas ricas em taninos, como: folha de goiaba, camomila, espinheira santa, calêndula, entre outras. Pode ser feita uma tintura 1/10 (100g do rizoma fresco em 1 L de álcool 70º encontrado em farmácias de manipulação. Adicione também de 1 a 3 ml de glicerina bio-destilada para poder passar na pele em fricções nas áreas de dor.

Rouquidão: Mascar um pedacinho do rizoma fresco.

Tonificante e estomacal: Tintura do extrato de gengibre – 5 a 10 gotas em água após as refeições.

Gripes e Resfriados: Decocção de um pedaço do rizoma (espessura de um dedo) + uma lasca da casca de um limão para 1L de água – ferver por 3 min, aguardar um minuto e acrescentar 1 colher de chá de menta piperita (hortelão pimenta). Coar e tomar 3x ao dia longe das refeições.

Bronquite – Xarope caseiro de gengibre

Ferver em fogo baixo: 3L de água com 40g de pó da raiz do gengibre, 650g de açúcar, 32g de mel de abelha, 36g de suco de limão. Desligar, esperar esfriar e adicionar uma colher de chá de albumina (pode ser substituído por uma clara de ovo batida) e 1g de essência de limão (opcional). Coar, engarrafar e aguardar 5 dias para começar a tomar.

ATENÇÃO: Nenhuma das receitas aqui dispensa a ida ao médico. Sempre comunique seu médico sobre o que está ingerindo. Chás possuem constituintes químicos que interferem nas medicações.

Agora que você já sabe de onde vem o gengibre, confira quais chás da nossa linha usam essa especiaria.

Blend Potência

Blend Inverno

Blend Diversão

Blend Comilança

Blend Energia

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *